7 Razões Para Incluir o Chocolate em Sua Dieta

0
8
Benefícios do chocolate na dieta

É difícil encontrar alguém que não gosta de chocolate. Em suas várias versões, o chocolate é um dos alimentos mais queridos em todo o mundo.

Considerado um vilão em dietas mais restritivas, pelo seu teor calórico e porcentagem de gordura, o chocolate nos últimos anos vêm passando por uma revolução e já é considerado um alimento a não ser excluído de uma dieta saudável.

Mas por quê? Quais são os benefícios desse alimento e por que ele deve ser parte de uma dieta equilibrada?

Diversas pesquisas já mostraram seu poder no combate ao envelhecimento precoce, na redução da pressão arterial, no auxílio da fadiga crônica e até no combate ao câncer de pele.

No entanto, para se obter os resultados, o mais importante é escolher um produto com uma boa quantidade de cacau na composição.

A Origem do Chocolate

Você sabe de onde vem o chocolate? Claro, a resposta mais óbvia é do cacau. Mas a transição cacau – chocolate, veio de qual povo?

Os primeiros vestígios da descoberta do chocolate são de 1.500 a.C. e vêm da civilização Olmeca que habitava o México na época.

Posteriormente, foi aprovado pelos Maias.

Na Europa, foram os suíços que tiveram a ideia de misturar leite ao cacau e aí criou-se e difundiu-se a ideia do chocolate como temos hoje.

O Brasil é o maior produtor de cacau da América Latina.

Benefícios do Chocolate

Vamos falar agora sobre os benefícios do chocolate

1 – Previne o Envelhecimento

O chocolate é rico em cacau, ingrediente repleto de flavonoides, que são substâncias com grande potencial antioxidante.

Sua composição  auxilia na prevenção do envelhecimento precoce, de doenças crônicas como as cardiovasculares, e na melhora da circulação, o que pode trazer benefícios para o tratamento de celulite, por exemplo.

A quantidade de benefícios está diretamente ligada à composição do chocolate. Quanto maior porcentagem de cacau, “melhor” é o chocolate.

Portanto, se possível, sempre opte por chocolates com alto teor de cacau (70%, 80%, por exemplo) e fuja por chocolates, como por exemplo, o chocolate branco, que não tem sua origem no cacau e sim na manteiga de cacau.

Portanto, no caso do chocolate branco (oficialmente o chocolate branco não é considerado chocolate, por não ser originário do cacau e sim da manteiga de cacau), há grande teor de gordura e não há presença dos flavonoides.

Pessoas que sobreviveram a ataques cardíacos e comem chocolate podem reduzir o risco de morrer por problemas do coração, segundo pesquisa realizada na Suécia.

Testes mostraram que saborear o produto duas vezes por semana resultou em 66% menos chances de morrer de doença cardíaca e uma vez por semana reduziu o risco quase pela metade. Isso porque o chocolate é rico em antioxidantes, que nos protege do envelhecimento causado pelos radicais livres.

2 – É Estimulante

Embora não seja páreo para o café, o cacau possui uma substância chamada teobromina, que pode agir como estimulante.

Esta propriedade também associa o alimento ao menor risco de desenvolver câncer de pele. Em estudo publicado em 2012, pesquisadores mostraram que o consumo regular de café, chás, chocolate e bebidas com cafeína reduziu em 18% o risco de câncer de pele entre as mulheres e 13% nos homens.

Pessoas que sofrem de dor de cabeça devem ficar atentas, pois a teobromina estimula o problema.

3 – Diminui a Ansiedade

O consumo de chocolate rico em cacau também tem sido associado à modulação da ansiedade e da compulsão, pois o cacau é uma ótima fonte de magnésio e triptofano, dois nutrientes essenciais para formação de serotonina.

Por isso, mulheres em TPM consideram que o chocolate ajuda a aliviar os sintomas negativos, justamente porque seu consumo está ligado ao triptofano, que auxilia na formação do hormônio do prazer, a serotonina.

4 – Fonte de Nutrientes

Embora seja rico em carboidratos e gordura, o chocolate também apresenta outros nutrientes importantes. Dentre eles, se destacam o magnésio e das vitaminas do complexo B.

Os componentes do chocolate também atuam em células cerebrais, reduzindo os danos cerebrais após um AVC, segundo um  estudo da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos.

Os cientistas descobriram que um composto chamado epicatequina protege as células nervosas. Os testes foram realizados em ratos e a equipe espera que os efeitos possam ser aplicados em seres humanos.

5 – Reduz a Pressão Sanguínea

Recente estudo realizado no Institute of Forensic Medicine, na Alemanha, mostrou benefícios quanto a saúde cardiovascular na diminuição da pressão sanguínea, metabolismo dos lipídios, assim como melhora na sensibilidade da insulina ao fazer uso de cacau em modelos animais.

O chocolate amargo também ajuda a reduzir os níveis do colesterol ruim (LDL) e com isso, também auxilia na prevenção de doenças cardiovasculares.

6 – Prevenção ao Câncer

Pesquisadores da Universidade de Georgetown, nos Estados Unidos, divulgaram em 2008 que o chocolate pode ajudar a combater o câncer de intestino. Isso porque algumas moléculas presentes no cacau, chamadas de procianidinas, possuem propriedades antioxidantes, que serviriam para proteger as células das degenerações do tumor.

7 – Aliado da Beleza e da Prevenção à Fadiga

O chocolate é ingrediente presente em diversos produtos de beleza, como máscaras de hidratação, por exemplo.

Também é considerado um alimento que previne a fadiga. Dois levantamentos realizados por cientistas da Universidade do Texas, nos Estados Unidos, concluíram que leite com chocolate é a melhor bebida para se recuperar da atividade física.

Os benefícios estariam na quantidade de carboidratos e proteínas da mistura.

Conclusão

Há diversas características benéficas no chocolate. Opte sempre pelo chocolate com alto teor de cacau (uma vez que boa parte de seus benefícios está na presença do cacau) e o consuma com moderação, devido aos seus carboidratos e teor de gordura.

Mas o chocolate é um dos alimentos mais saborosos e consumidos no mundo. Não tem porque você o retirar da sua dieta, com todos os seus benefícios, se o consumo for equilibrado. Aproveite!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, escreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui