Como a Baixa Umidade e a Poluição Podem Nos Afetar

0
19
Qualidade do ar

O inverno no Brasil não é caracterizado por ser um período de chuvas. E nas últimas semanas o tempo tem se mostrado com temperaturas elevadas e extremamente seco em grande parte do território Brasileiro.

O tempo seco afeta nossa saúde de várias maneiras, mas medidas simples podem amenizar os sintomas.

Quando respiramos um ar cheio de poluentes, ele gruda na mucosa respiratória. O organismo, então, tenta expulsar esse pó das vias aéreas superiores formando muco. Quanto maior quantidade de poeira, maior quantidade de muco.

O problema que o excesso da produção de muco retira a barreira de proteção natural do organismo e, com isso, ficamos mais expostos a vírus e bactérias e, consequentemente, doenças respiratórias.

Essas doenças incluem sinusite, rinite, faringite, amigdalite, otite, bronquite e pneumonia.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que a umidade do ar esteja em torno de 60% para que os problemas de saúde respiratórios sejam evitados. Isso porque umidade inferior a 60% promove o ressecamento tanto da pele quanto das vias respiratórias, deixando o organismo mais propenso às doenças respiratórias.

Sintomas

Alguns sintomas são característicos de problemas iniciando nas vias aéreas superiores, causados pelo tempo seco:

  • Nariz escorrendo;
  • Espirros frequentes;
  • Coceira nos olhos;
  • Olhos lacrimejando;
  • Dores de cabeça, sobretudo na região frontal;
  • Coceiras no nariz;
  • Sensação de garganta seca;
  • Incômodo no ouvido;
  • Sensação de boca seca.

A Poluição no Mundo

Cerca de 7 milhões de pessoas morrem anualmente devido à poluição e suas consequências. Em alguns países, a poluição já é tão séria que obriga pessoas a saírem com máscaras em ambiente aberto para tentar diminuir seus efeitos deletérios.

Os idosos representam o grupo mais susceptível a sofrer com os efeitos do tempo seco e da poluição. Isso porque o processo de envelhecimento já traz, naturalmente, uma diminuição na produção de saliva (que umidifica a saliva) e das mucosas em geral.

Além disso, pela diminuição do reflexo da sede, os idosos bebem menos água e muitos ainda bebem menos água devido à incontinência urinária. Com isso, seu organismo fica bem menos hidratado do que devia.

As mucosas dos idosos apresentam cílios menos eficientes, o que faz com que a remoção da poeira ingerida no ar seja feito de maneira menos eficiente também.

Dicas Para Lidar Com o Tempo Seco

Algumas dicas simples podem auxiliar a amenizar os sintomas causados pelo tempo seco e poluição no ar.

Beba Muita Água

A hidratação é a maneira mais eficiente e a que mais traz benefícios ao organismo em tempos secos ou poluídos. O ideal é beber no mínimo 1,5 L de água por dia. Outras formas de hidratação, como água de coco ou suco ou chás gelados, também podem ser utilizadas, mas o líquido mais importante e que o organismo mais necessita é a água.

A água hidrata pele, mucosas e órgãos, além de auxiliar os rins no processo de filtragem do sangue.

Cuide Bem da Casa

Pessoas com asma ou rinite tendem a ter maiores problemas nessa época do ano. Portanto, mantenha a casa livre de poeira.

Tire tapetes ou cortinas, além de colchas ou outros elementos que juntem muito pó.

Mantenha toalhas molhadas, sempre que possível para auxiliar na umidificação do ambiente.

Use Soro Fisiológico

O soro fisiológico é um ótimo aliado nesse período, pois com ele é possível fazer a lavagem do nariz, bem como lavar os olhos.

É importante que isso seja feito de maneira adequada e frequente.

Cuida da Pele

Com o tempo seco e temperaturas mais elevadas do que o esperado para essa época do ano, o ideal é evitar ao máximo o ressecamento da pele. Para isso, evite banhos muito quentes e abuse dos hidratantes corporais. Nos lábios, use de protetores labiais ou manteiga de cacau.

Evite Exposição Desnecessária ao Sol

Evite atividades muito prolongadas nos períodos em que o sol está mais forte. Se possível, faça essas atividades quando o sol já se pôs e a temperatura está mais amena.

Evite Esforço Físico Sob o Sol

Para os praticantes de atividade física, como a caminhada ou corrida, evite que elas sejam feitas sob sol intenso.

Alterne os horários da prática de atividade física ou opte por atividades que a perda de água é menor, como natação e hidroginástica.

Evite Grandes Aglomerações

Evite locais com grande aglomeração populacional nessas épocas do ano.

Mantenha Janelas Abertas

Em casa mantenha as janelas abertas para auxiliar na ventilação.

Utilize Vaporizadores

Vaporizadores ou umidificadores são boas opções para manter o ar úmido em ambientes fechados.

Faça Inalação

A inalação feita em casa, somente com soro fisiológico, pode ser um bom aliado.

Resumo

A umidificação e hidratação de pele e mucosas nessa época do ano são fundamentais. Os idosos são o grupo mais afetado.

Para minimizar os efeitos deletérios do tempo seco e da poluição no organismo, lembre-se:

  • Beber no mínimo 1,5L de água por dia;
  • Manter baldes com água ou toalhas molhadas em locais com pouca ventilação;
  • Utilizar soro fisiológico para lavar o nariz ao menos uma vez por dia (o ideal é mais vezes ao dia);
  • Lave os olhos com soro fisiológico ou use colírios de lágrima artificial;
  • Hidrate as mucosas com soro fisiológico;
  • Faça inalação;
  • Se os sintomas vierem acompanhados de mal-estar ou febre, procure um médico imediatamente.

Gostou do texto? O que você faz para aliviar as consequências do tempo seco para o seu organismo? Conte e comente aqui embaixo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, escreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui